por Nathalia Marangoni em 27 Março, 2018
3 min read

Nós da Rhino Africa adoramos compartilhar nossa paixão pelo continente africano. Seja por meio de nossas viagens e pacotes personalizados, parcerias com as melhores hospedagens de cada país  ou na produção de conteúdo original em nosso blog e mídias sociais, buscamos sempre inspirar as pessoas a conhecerem o continente de perto, de forma a também se apaixonarem por seus encantos, embarcando em aventuras de safári, caminhando entre as ruas de cidades vibrantes, praticando esportes ao ar livre e interagindo com seus moradores locais.

Também compartilhamos nossa paixão por meio de fotos. Quanto mais, melhor! Leões atacando suas presas em plena savana, famílias de elefantes caminhando por planícies abertas, pôres do sol em tons de laranja e púrpura, horizontes urbanos apaixonantes… as possibilidades são realmente infinitas. E é por isso que apresentamos a segunda edição do Africa’s Photographer of the Year (APOTY).

Foto vencedora do Africa's Photographer of the Year 2017 de Clement Kiragu

Foto vencedora do Africa’s Photographer of the Year 2017 de Clement Kiragu

O APOTY é a competição fotográfica mais prestigiada do continente e é uma iniciativa da Rhino Africa em colaboração com outras marcas líderes. Aficionados por fotografia e profissionais podem concorrer com suas melhores fotos da África, celebrando a beleza de sua vida selvagem, de suas paisagens e povo. O prêmio? Uma viagem com acompanhante no valor de 32.000 dólares.

Como funciona o Africa’s Photographer of the Year 2018?

A competição acontece ao longo do ano de 2018 e é dividida em quatro categorias temáticas; cada uma delas recebe inscrições durante um período de 3 meses. A primeira delas – aberta entre janeiro e março – leva o título de “Capture Africa”. Como o nome expressa, a categoria busca fotografias que registrem aspectos mágicos que apenas o continente africano possui, como a essência cosmopolita e diversificada de Cape Town, a vida selvagem exuberante do Serengeti, as vestimentas tradicionais do povo Maasai, etc.

As categorias seguintes são focadas em leões e grandes felinos (abertas entre abril e junho), retratos da vida selvagem (entre julho e setembro) e África fora do comum (de outubro a novembro).

Par de leões caminhando pela savana

Par de leões caminhando pela savana. Foto: Anton Pretorius

Como participar do Africa’s Photographer of the Year 2018?

O processo de participação é muito simples. Em primeiro lugar, acesse a página oficial do concurso e clique no botão vermelho “Enter Now”. Faça seu login utilizando sua conta no Facebook ou e-mail pessoal, antes de enviar sua foto, legenda e detalhes de contato. Sua foto será adicionada à galeria do concurso e nosso juri especializado avaliará cada foto, elegendo uma ganhadora e quatro finalistas para cada uma das categorias.

Elefantes sendo fotografados. Foto: Etosha National Park

Elefantes sendo fotografados. Foto: Etosha National Park

O prêmio

O vencedor ou vencedora da competição terá a oportunidade de desfrutar de sua paixão pela África em uma viagem de nove dias com acompanhante para Cape Town e Botsuana. A viagem é avaliada em 32.000 dólares e inclui uma série de regalias, atividades e a chave de ouro perfeita para a competição Africa’s Photographer of the Year.

Além disso, cada um dos vencedores das categorias temáticas receberá um par de binóculos Swarovski estimado em 1.400 dólares, perfeitos para apreciar os mínimos detalhes da natureza do continente.

Máximo conforto no Delta do Okavango

Interior de uma tenda de luxo em Vumbura Plains Camp,Delta do Okavango

Hora de tirar a câmera fotográfica do armário ou dar uma vasculhada nas suas pastas antigas e pen drives! Inspire-se nas fotos dos vencedores de 2017, decida seu destino e atreva-se a capturar a magia do continente.

Embora o website do concurso esteja atualmente disponível apenas em inglês, francês e alemão, Africa’s Photographer of the Year está aberta para participantes de todas as línguas e nacionalidades. Se você tiver dúvidas ou perguntas sobre o concurso, a Rhino Africa está à disposição para ajudá-lo.