por Nathalia Marangoni em 14 de Maio, 2018
5 min read

Então, você está planejando visitar o Quênia? Boa escolha – o Quênia tem muito a oferecer com sua vida selvagem notável, pessoas amigáveis ​​e paisagens espetaculares. Se você está se perguntando quando é a melhor época para visitar o Quênia, continue a ler! De emocionantes safáris africanos em planícies e zonas húmidas, até férias tranquilas na praia, o país possui atrações impressionantes que farão você nunca querer partir.

O majestoso Monte Kilimanjaro visto a partir da savana

O majestoso Monte Kilimanjaro visto a partir da savana. Foto: Sergey Pesterev

O clima do Quênia em poucas palavras

O Quênia possui duas estações chuvosas que pontuam as mudanças entre o verão e o inverno, graças à sua localização próxima ao equador. A primeira acontece entre Março e Maio, que também é chamada de estação chuvosa longa, porque pode chover por alguns dias seguidos. A segunda estação chuvosa é curta e acontece entre outubro e meados de dezembro, pouco antes do verão. Se você não se importa com a chuva, então pode aproveitar a temporada de viagem “verde” para desfrutar de promoções especiais e atrações mais tranquilas. A estação seca do Quênia acontece entre junho e outubro e é a época mais movimentada do ano, porque oferece ótimas oportunidades para a realização de safáris e assistir à Grande Migração.

Melhores lugares para visitar no Quênia: dezembro – fevereiro

  •  A Costa: quando você imagina um feriado idílico na praia, águas cristalinas e mornas e resorts acolhedores à beira-mar vêm à mente. Certo? Bem, o litoral do Quênia oferece exatamente isso! Sua temporada de verão é perfeita para a melhor experiência de praia em Malindi e Watamu. Alguns dos destaques costeiros incluem snorkeling ou mergulho no mundo dos coloridos recifes de corais e nadar com os peixes no Parque Marinho Nacional de Watamu. Além de tomar um banho de sol e trabalhar no seu bronzeado, você também pode andar de camelo ao longo da Praia Diani de Mombasa.
Camelos na praia de Mombasa, no Quênia

Passeio de camelo na praia de Diani

  • Nairóbi: A movimentada capital do Quênia é uma das poucas cidades que tem um parque nacional dentro de suas fronteiras! Você pode visitar parques nacionais, santuários de animais, shoppings, museus e muito mais.

Melhores lugares para ir no Quênia: de março a maio

Se você não se importa com alguns aguaceiros e céus dramáticos, esta época do ano é surpreendente para observação de aves e oferece excelentes oportunidades fotográficas de paisagem. O Quênia possui uma diversidade impressionante de espécies de aves e os números aumentam graças às aves migratórias que voam em direção para os lagos do Quênia.

  • Lago Nakuru: um destino popular para milhões de flamingos que pintam o lago de rosa quando a oferta de alimentos está no seu auge na região. Durante este período, você pode ter a sorte de encontrar os maiores moradores do Lago Nakuru – hipopótamos e búfalos – nadando em águas rasas.

    Flamingos se reúnem no Lago Nakuru, Quênia

    Flamingos se reúnem no Lago Nakuru, Quênia

  • Lago Naivasha: um espetacular lago de água doce na parte mais alta do Great Rift Valley transmite uma sensação de paraíso pitoresco. Aqui você pode desfrutar de trilhas para caminhadas e da abundância de espécies de pássaros e animais, como a zebra, o hipopótamo e até mesmo a espetacular águia-pescadora-africana.

Melhores lugares para ir no Quênia: de junho a setembro

A Grande Migração é um dos maiores espetáculos da vida selvagem e, se ainda não estiver na sua lista de desejos, deveria estar! Depois que a longa estação chuvosa termina em maio, a sensação de que a “grama do vizinho é mais verde” impulsiona centenas de milhares de gnus, zebras e várias espécies de antílopes a embarcar em uma travessia entre o Maasai Mara, no lado do Quênia, e o Serengeti, na Tanzânia, à procura de pastos mais verdejantes.

  • Reserva Nacional Maasai Mara: prepare-se para momentos marcantes observando o “ciclo da vida” se desenrolar em frente de seus olhos e leve com você fotos e histórias inesquecíveis.
Milhares de gnus migrando no Quênia

Milhares de gnus migrando no Quênia. Foto: Daniel Rosengren

Melhores lugares para ir no Quênia: meados de dezembro

Logo após o fim das férias de verão, aproveite a oportunidade para desfrutar de safáris longe das multidões. Isso oferece maiores oportunidades para interações com rangers, guias e comunidades locais no Quênia. Com chuvas esporádicas, as aves migratórias dirigem-se para os lagos e você pode ter sorte de testemunhar nascimentos. É ideal para visitar:

  • Parque Nacional Tsavo: este é um dos maiores parques nacionais do mundo, pois cobre impressionantes 4% das terras do Quênia. De vastas planícies a montanhas e charcos a pântanos, muitas espécies de animais chamam esse lugar de lar. Veja manadas de elefantes avermelhados pela areia vulcânica encontrada nesta área. Aves impressionantes, como os avestruzes endêmicos da Somália com distintos pescoços azuis, são destaques.
  • Parque Nacional Amboseli: famoso por seus rebanhos de elefantes e seus habitantes locais, esse parque é ótimo para safáris. Você poderá aprender muito com os Maasai, comunidade tradicional semi-nômade que protegeu o Quênia por gerações. Esta área também serve como um local ideal para fotos de animais selvagens com o Monte Quênia ao fundo.
Homens Maasai realizando o adamu, um rito de dança de passagem para guerreiros

Homens Maasai realizando o adamu, um rito de dança de passagem para guerreiros. Foto: Bjørn Christian Tørrissen

Com ainda mais vontade de visitar o Quênia? Entre em contato com nosso consultores de viagem e deixe-nos criar uma viagem personalizada para você, longe do estresse e com todo o suporte que você possa precisar.

Asante – obrigada!